frescas‎ > ‎

Em Outubro reabre a Embaixada de Portugal na Eslovénia

posted Oct 5, 2020, 12:37 PM by Sardinha Media   [ updated Oct 5, 2020, 12:50 PM ]

Foi com enorme prazer que no dia 23 de Setembro a Revista Sardinha e a Associação de Amizade Luso-Eslovena foram recebidas pelo Embaixador de Portugal, António Almeida Ribeiro, que veio de Viena acompanhado do 1º Conselheiro, João Bezerra da Silva. Entre outros assuntos, vieram anunciar a reabertura da Embaixada de Portugal na Eslovénia, situada na capital Ljubljana e entregue à responsabilidade de Luísa Pais Lowe, recém nomeada Encarregada de Negócios na Eslovénia.  

Este tão esperado evento pela Comunidade Portuguesa na Eslovénia acontece, tal como foi comunicado à Sardinha, para preparar e apoiar a presidência partilhada de Portugal e Eslovénia à União Europeia. É com grande espectativa que esperamos um primeiro encontro com a diplomata que chegará à Eslovénia na próxima semana, e será um elo de ligação mais forte com a distanciada Embaixada de Portugal em Viena. 

Não há ainda certezas da sustentabilidade deste posto diplomático em Ljubljana, depois da presidência partilhada que decorre em 2021. Porém, há a certeza da vontade dos Portugueses na Eslovénia em terem uma presença diplomática no país, e do apoio que irão dar a Luísa Pais Lowe nas suas novas funções. Luísa é diplomata do Ministério dos Negócios Estrangeiros desde 1989, e desempenhou nos últimos três anos o cargo de Coordenadora do Gabinete de Apoio ao Investidor da Diáspora.

Entretanto, já no dia 29 de Setembro, o  Ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva recebeu o Ministro dos Negócios Estrangeiros da Eslovénia, em visita oficial, o Ministro dos Negócios Estrangeiros da Eslovénia, Anže Logar. A visita teve início com um almoço de trabalho, seguido de uma reunião onde foram debatidos temas da agenda europeia, designadamente o Trio de Presidências da União Europeia (composto por Alemanha, Portugal e Eslovénia), e internacional, bem como as relações bilaterais entre os dois países.


Parte destas notícias foram-nos fornecidas pela Revista Comunidades Lusófonas.
e1
Comments